Idosos se casam no Lar de Velhinhos em Ubiratã/PR

0
1218

Em um evento especial no último dia 24 de junho, o Lar dos Velhinhos de Ubiratã/PR celebrou o casamento dos moradores Manoel de Moraes, 89, e Maria da Luz, 78. A união dos dois idosos foi motivo de grande comoção para os moradores da instituição e uma verdadeira festa de amor.

Com 48 anos de existência, o Lar dos Velhinhos de Ubiratã tem sido o lar de muitas histórias e sorrisos ao longo dos anos. Foi nesse ambiente acolhedor que Manoel e Maria encontraram uma nova chance de felicidade.

Dona Maria já residia no lar há seis anos quando seu caminho se cruzou com o de Manoel, que chegou no início do ano. Desde então, uma conexão especial começou a se formar entre eles. Os olhares trocados, abraços afetuosos e beijos apaixonados deixavam claro para todos os que testemunhavam essa história que o amor estava florescendo.

A notícia do casamento do casal logo se espalhou entre os funcionários e voluntários do lar, que se uniram para tornar esse momento especial. A cerimônia aconteceu na igreja do próprio lar, onde o Padre, que realiza missas no local todas as segundas-feiras, abençoou a união.

A responsável pelo lar, Solange Costa Faustino, que trabalha há sete anos no local, expressou sua alegria e emoção ao presenciar o casamento: “O dia do casamento para mim foi como se estivesse casando meus avós. Foi um dos dias mais felizes da minha vida. Todos nós estávamos muito felizes. Era uma emoção total naquele ambiente.”

Os colaboradores do lar se dedicaram para garantir que o casamento fosse inesquecível. Houve vestido de noiva, terno, bolo e até mesmo uma voluntária que possui um salão de beleza local deixou de atender seus clientes para cuidar dos idosos, oferecendo cortes de cabelo, penteados e maquiagem. A noiva estava radiante e o noivo estava elegante, assim como todos os outros convidados.

“Foi um dia que jamais esquecerei”, reflete a Dona Maria. A celebração foi uma verdadeira prova de que nunca é tarde para encontrar a felicidade e o amor verdadeiro. A união de Manoel e Maria serviu como exemplo de esperança e inspiração para todos os presentes.  Sr. Manoel finaliza contando que, com 89 anos, não imaginava viver um amor como esse. 

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY