A importância da juventude no carisma vicentino: liderança, comprometimento e criatividade.

0
118

Hoje, 30 de março é o Dia Mundial da Juventude, criado em 1985, por iniciativa da Organização Mundial das Nações Unidas (ONU), com a finalidade de mobilizar as/os jovens sobre a importância do seu papel na sociedade e debater o que pode ser feito para a formação de um futuro melhor. E falar da juventude dentro da SSVP é essencial. Ela foi criada por jovens, e até os dias de hoje a juventude tem um valor inestimável dentro da Organização.

Para celebrar a data, convidamos o confrade Geyson Torres de Lima, Coordenador Nacional da Comissão de Jovens do Conselho Nacional do Brasil, para falar a importância da presença e atuação dos jovens dentro do carisma vicentino. Vamos à sua fala:

Com grande entusiasmo, enquanto Coordenação Nacional da Juventude Vicentina do Brasil, neste dia 30 de março, dia mundial da juventude, que traz consigo a temática de importância do papel que os jovens desempenham no futuro da sociedade, gostaria de ressaltar a importância da presença e atuação dos jovens dentro do carisma vicentino. Nossa Organização, inspirada nos ensinamentos de São Vicente de Paulo, no legado e ação concreta do Beato Ozanam, encontra na juventude não apenas uma esperança para o futuro, mas também uma força vital para o presente.

Os jovens líderes vicentinos são agentes de transformação em suas bases. Ao assumirem papéis de liderança, trazem consigo uma energia contagiante e um compromisso inabalável com a causa da caridade e da justiça social. Suas ideias inovadoras e sua disposição para agir fazem com que a mensagem vicentina chegue a novos horizontes e que as necessidades dos prediletos de Deus, sejam atendidas de maneira cada vez mais eficaz.

A juventude traz consigo uma força interior incomparável, capaz de superar desafios e inspirar mudanças significativas. Além disso, a inteligência e a criatividade características dos jovens são recursos valiosos para encontrar soluções inovadoras para problemas complexos. E, é claro, não podemos esquecer da alegria peculiar da juventude, que contagia e motiva todos ao seu redor, tornando o serviço vicentino não apenas uma “obrigação social”, mas também uma fonte de alegria e realização pessoal de vocacionados.

A presença ativa dos jovens no seio da SSVP, fortalece e enriquece o carisma vicentino como um todo. Suas perspectivas e sua disposição para desafiar o status que trazem novas dinâmicas à nossa organização, mantendo-a relevante e adaptada aos tempos modernos. Além disso, ao se comprometerem com a causa vicentina desde cedo, os jovens se tornam não apenas membros, mas também agentes ativos de transformação de vidas, a começar pela própria.

Portanto, é fundamental reconhecer e valorizar a importância da juventude no carisma vicentino. Como líderes e servos comprometidos, os jovens vicentinos são verdadeiros protagonistas na construção de um mundo mais justo, solidário e fraterno. Que continuemos a incentivá-los, apoiá-los e inspirá-los em sua jornada de serviço e amor ao próximo, pois são eles o presente e o futuro da nossa amada Sociedade de São Vicente de Paulo.

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY