Carta Circular do Presidente-geral é publicada

0
2639

Foi publicada no site site da SSVP Gobal, em 31 de janeiro, a Carta Circular do Presidente-geral Internacional, confrade Renato Lima de Oliveira. Neste ano, ela é marcada pela persistente pandemia, mas não como impedimento para realizar o trabalho da Sociedade de São Vicente de Paulo, e sim desafio que os próprios fundadores da nossa Sociedade sofreram no início das mesmas.

O confrade Renato Lima detalha as inúmeras iniciativas que o Conselho Geral Internacional empreendeu nos tempos atuais para demonstrar, com sua atitude de serviço que, apesar de todas as dificuldades, pode-se continuar a “servir na esperança” e estar bem perto dos mais pobres.

O Presidente-geral também fala sobre a importância da educação para a redução da pobreza, o cuidado e o respeito ao meio ambiente, o comportamento dos vicentinos e boas práticas na gestão das obras beneficentes e dos Conselhos.

Como em todas as Cartas-Circulares que o Presidente escreveu, ele solicita a cada um dos vicentinos que seja promovido o “dever moral de cuidar da Família Vicentina, estrategicamente e prioritariamente” em todos os lugares onde estejam presentes as Conferências. E que também haja o mesmo zelo com que cuidamos dos mais jovens da SSVP, especificando que é preciso apoiar, sem medidas, os jovens.

A Carta também reflete o olhar para as próximas eleições para a presidência do Conselho Geral, onde dá uma série de recomendações sobre as condições para ser um candidato adequado para esta posição de serviço.

Por fim, o texto mostra a determinação com que o Presidente-geral e toda sua equipe estão a trabalhar para que a Igreja possa proclamar a santidade de nosso principal fundador, o Bem-aventurado Antônio-Frederico Ozanam, e o esforço desta presidência para que a história e as origens da nossa instituição sejam conhecidas. Na verdade, o presidente Renato Lima faz referência à iniciativa dos Anos Temáticos que estão organizados para cada um dos cofundadores da SSVP e que, em 2022, será dedicado a Le Taillandier.

O Presidente-geral, em sua mensagem final, destaca a capacidade de desenvolvimento e expansão que graças a Deus a SSVP teve ao longo de sua história, e afirma que “nossa instituição vem crescendo, em qualidade e quantidade, e sempre com um bom objetivo definido: a santidade de seus membros e caridade para com aqueles que sofrem”.

Recomenda-se que a leitura da Carta-Circular seja feita dentro das reuniões das Conferências e Conselhos e que, devido à sua extensão, seja lida em partes para que possa ser refletida e internalizada ponto a ponto.

Acesse este link para ler a Carta-Circular do Presidente Geral

Leia a matéria na íntegra no link: www.ssvpglobal.org/carta-circular-do-presidente-geral-2/

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY