Atual presidente e presidente eleito da SSVP começam fase de transição

0
2500

Os trabalhos da transição da nova diretoria da SSVP já começaram. A eleição foi realizada no último dia 4 de setembro, sendo eleito o Confrade Márcio José da Silva para presidente do Conselho Nacional do Brasil. O confrade Márcio e o atual presidente, confrade Cristian Reis da Luz, então começaram já no dia 5, na sede do Conselho Nacional do Brasil, as tratativas da transição.

“Certamente a primeira pergunta que me veio à cabeça foi o que fazer no período entre a eleição e a posse. Esta resposta está na Instrução Normativa 02/2017 do Conselho Nacional do Brasil, onde diz que entre a eleição e a posse da nova diretoria deve haver a transição”, explica o presidente eleito, confrade Márcio.

Neste período de transição, o presidente atual e o eleito têm a oportunidade de trocar experiências. “Começamos a conversar alguns pontos bem estratégicos. Eu pedi ao Conselho Geral Internacional para o presidente eleito participar de uma reunião virtual logo após a eleição, foi autorizado e o confrade Márcio participou também para ver como funciona”, explica o atual presidente, confrade Cristian.

O diálogo é a base dessa transição, até porque o confrade Márcio já participa da diretoria atual da SSVP e da gestão como coordenador do Denor Nacional. “Estamos muito integrados e alguns detalhes específicos da presidência estou passando aos poucos e teremos novas reuniões. Tudo com muita tranquilidade, zelo, com todas as informações para o confrade Márcio realizar um excelente trabalho, que sei que o fará”, define confrade Cristian. 

Essa abertura, segundo confrade Márcio é uma segurança para começar seu mandato. Na transição, o presidente eleito conhece todos os dados e informações necessárias à preparação dos instrumentos e planejamento para implementação de seu plano de trabalho para garantir a continuidade dos trabalhos desenvolvidos em prol dos nossos Mestres e Senhores.  “A transição deste mandato está muito tranquila pelo fato que, como coordenador do Denor Nacional, já acompanho o dia a dia do Conselho Nacional do Brasil e estou a par de quase todas as situações que são necessárias a discutir no processo de transição. Além disso, o comprometimento do confrade Cristian em passar tudo de forma transparente para a nova gestão está sendo essencial”, destaca.

A transição também está acontecendo entre alguns membros da diretoria atual e eleita, cumprindo o estatuto. A próxima entre os presidentes eleito e atual será nos dias 1, 2 e 3 de outubro em Belo Horizonte.

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY