Universidade produz e doa sabão e álcool em gel à SSVP

0
839
Entrega de sabões feitos a partir de óleo reciclado

Em vez do ócio, a solidariedade. Enquanto as aulas não são retomadas por causa da pandemia do novo Coronavírus, alunos da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) usam o tempo da quarentena para produzirem sabão, álcool em gel e outros tipos de equipamentos à contenção da Covid-19. Todo material é doado para hospitais e instituições de apoio às pessoas em situação de vulnerabilidade. A Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) é uma das beneficiadas.

Nesta semana, foram doados 150 vidros de álcool em gel e 170 barras de sabão, além de itens alimentícios arrecadados pelos alunos, ao Conselho Metropolitano de Juiz de Fora. Os insumos serão distribuídos pelas Obras Unidas (Lares de Idosos) da instituição.

A consócia Elisabete Castro, vice-presidente do Conselho Nacional do Brasil (CNB/SSVP), foi quem pediu os itens à Universidade. Ela estava vendo uma reportagem na TV que mostrava o trabalho dos universitários de apoio às medidas de combate ao novo Coronavírus. Quando soube da produção de sabão e álcool em gel para as instituições, encaminhou um ofício solicitando a doação.

O pedido foi prontamente atendido. “A gente sabe que a SSVP é muito atuante na cidade e todo serviço é feito para uma população muito vulnerável, então, neste momento, quando a população mais vulnerável está predisposta à contaminação, a Universidade precisa ajudá-la”, explica Ana Lívia Coimbra, pró-reitora de Extensão da UFJF.

Ana Lívia esclarece que a produção dos insumos dentro dos laboratórios segue rigorosos critérios sanitários e de biossegurança. Alunos e professores envolvidos no projeto são voluntários. Eles pertencem aos cursos de Farmácia, Química e Física.

A SSVP recebe 160 vidros de álcool em gel

CARIDADE E RECICLAGEM. A iniciativa da UFJF envolve a comunidade. Os sabões produzidos, por exemplo, são feitos de óleo de cozinha usado doado pelos moradores de Juiz de Fora. Já a matéria-prima do álcool em gel é comprada pela Universidade e com doações de empresários locais.    

Às instituições que desejarem seguir o exemplo da Universidade Federal de Juiz de Fora, a pró-reitora de Extensão se coloca à disposição para explicar detalhadamente sobre o projeto. O e-mail para contato é [email protected]

FORMAÇÃO HUMANA. A consócia Elisabete Castro elogia a atuação dos universitários. “Enquanto alunos, já demonstram gestos de solidariedade em defesa da vida, que será a profissão deles muito em breve. É incrível a gente ver estudantes produzindo sabão e álcool em gel só pensando no bem comum”, encerra.

FONTE: REDAÇÃO DO SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY