CCA lança Revista da Turma de Vicente e discute manual em Encontro Nacional

0
9139

Um final de semana de muito trabalho, partilha e espiritualidade. Assim foi o XII Encontro Nacional da CCA realizado em Londrina de 27 a 29 de outubro, que teve como tema “Alegra-te, o Senhor está contigo” e o lema “Alegria do Sim, ser vicentino, ser liderança da SSVP”. Durante o evento, aconteceram momentos importantes, como o lançamento da nova Revista da Turma de Vicente e o debate do texto do novo manual da CCA.

O evento começou na sexta-feira, com a chegada dos 110 participantes de todas as partes do país. “Os coordenadores chegaram já animados e felizes por estarem ali. Com os muitos momentos de oração e meditação, os participantes tomaram gosto pelo encontro e a cada ato se viam envolvidos cada vez mais. Diga-se de passagem, eles foram muito participativos e atentos a todas as palestras”, pontua a Maria Aparecida Peteck, Coordenadora Nacional das CCAs.

A organização do evento trouxe palestras pontuais para o momento atual em que vivemos. “Sabemos que precisamos desenvolver temas que vão ajudar o crescimento deste Departamento tão importante dentro da SSVP, com a certeza que só através de parcerias conseguiremos algo maior dentro do nosso trabalho. A cada palestrante foi dada uma missão de ajudar e fortalecer vínculos através de seus temas e isso foi feito com sucesso”, lembra Cida.

Dentre as palestras, o Assessor Espiritual do CNB, Padre Emanoel Bedê, tratou o tema “Alegra-te, o Senhor está aqui”; a coordenadora de CCA do Conselho Central de Ourinhos/SP, Eva Maria Martins abordou “Como formar um orientador”; o Coordenador Nacional de Jovens, Geyson Tôrres de Lima, falou sobre a transição da CCA para a juventude; o coordenador de CCA para a Região 4, Leandro Davilla falou sobre formação para CCA (Ecafo); o Vice-presidente do CNB, Jean de Morais Araújo tratou da Regra e a coordenadora de CCA do Conselho Metropolitano de São José dos Campos/SP, Sandra Aparecida Araujo Bezerra, tratou o tema ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). Ainda dentro da programação, o Presidente do CNB, Márcio José da Silva, fez uma roda de conversa sobre o que se espera de uma CCA e o que fazer para chegar lá. De maneira muito descontraída, sentado no chão com os participantes, Márcio falou da importância da CCA para a Sociedade de São Vicente de Paulo e ouviu todas as colocações feitas.

O Projeto Trenzinho da CCA, do Conselho Metropolitano de Juiz de Fora/MG, foi apresentado para os participantes por sua coordenadora Suely Emidio de Castro e pela secretária do CM, Juliana Henrique Gomes de Rezende.

O Encontro teve animação do Ministério Penamar e diversos momentos de espiritualidade e uma das propostas foi fazer um terço de pérolas durante o evento. A cada Ave Maria rezada, uma conta era colocada no terço, que ao final do evento teve 250 pérolas utilizadas na confecção de um lindo terço, colocado em cantinho especial reservado para veneração a todas as Nossas Senhoras padroeiras das Regiões.

A CCA Anjo Gabriel, de Cambé/PR, participou ativamente do evento, em momentos marcantes, com lindas encenações durante o Angelus e a reflexão do Evangelho, além, é claro, de expor seu ponto de vista durante as discussões.

“Tivemos dois momentos muito importante dentro do Encontro, onde fizemos o lançamento da nova Revista da Turma de Vicente. Esse foi um sonho realizado, pois eram muitos pedidos de material para formar uma CCA. A revista de Vicente traz 10 reuniões e as informações, a história da CCA no Brasil e o mais importante, a história da fundação da SSVP contada para crianças e adolescentes. Outro momento importantíssimo foi a colocação do novo Manual da CCA para que todos os presentes opinassem sobre o texto que vai ser encaminhado para o Denor e depois levado para votação em Plenária com a Diretoria do CNB”, conta Cida.

Durante o Encontro também foi entregue o prêmio de 2º lugar do Pintando a Fraternidade da categoria A para Guilherme Mateus da Rocha, da Conferência Anjo Gabriel, que estava presente com sua família.

Avaliação

Um verdadeiro sucesso, com vários aprendizados e trocas. Esse é o balanço do XII Encontro de CCAs. “O encontro também serviu para celebramos a amizade, pois temos certeza que unidos somos mais fortes, por vários momentos pode-se perceber toda a sincronia entre os membros da organização do encontro, proporcionando momentos emocionantes durante o encontro”, avalia Cida.

Mas não foi só a organização que avaliou positivamente o evento. Os coordenadores de CCA dos Conselhos Metropolitanos participantes também destacaram a importância da vivência em Londrina.

“Para mim, o encontro foi um verdadeiro norte. Desde que assumi o cargo, não tinha muito conhecimento e me sentia despreparado para o trabalho. Foi realmente o ‘preparar dos escolhidos’, que sabemos que é a promessa do nosso Mestre para quem ele escolhe para qualquer função. Daqui pra frente tenho certeza que meu trabalho vai render bons frutos para as nossas CCAs”, conta Tiago Marlon Chaves, do CM Curitiba – Porto Alegre.

“Foi um encontro maravilhoso, bem dinâmico, em que conheci várias pessoas incríveis com várias experiências a serem aplicadas no Conselho Metropolitano ao qual faço parte. Com todos esses conhecimentos, vou fazer o impossível para que cada Conselho Particular tenha uma CCA. Foi um final de semana de vários testemunhos e muito abençoado de grande valor pra mim. Porque a CCA é Conferência de Crianças e Adolescentes e CCA é show”, afirma a coordenadora do CM de São Carlos, Marília Jacqueline Camilo.

“O Encontro Nacional de CCA é uma grande oportunidade para ampliarmos nosso conhecimento em relação ao trabalho com as CCAs e também um precioso momento para trocarmos experiências e fazermos novas amizades. Parabéns aos organizadores”, diz o coordenador do CM de São José do Rio Preto/SP, Paulo Rogério de Oliveira.

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY