Investindo na Vida 2024 destinará R$ 400 mil em estudos para até cinco assistidos

0
553

No ano passado, o Conselho Nacional do Brasil (CNB), lançou o programa Investindo na Vida, com o objetivo de custear o ensino superior ou técnico de cinco assistidos de Conferências do Brasil e quatro pessoas já estão sendo atendidas. Para 2024, o edital já foi lançado e serão até cinco bolsas, num investimento total de R$ 400 mil. As inscrições já estão abertas e vão até o dia 30/06/2024, através do pelo link https://forms.gle/oxLEexoZUX82kZ8k6

Algumas exigências para que a pessoa possa ser contemplada são: ser integrante de família assistida por Conferência Vicentina da SSVP do Brasil; não estar cursando, ou que já ter cursado cursos técnicos ou superiores; e ter cursado e concluído todo o ensino médio em escola da rede pública, ou em escola particular na condição de bolsista integral (para bolsas no Ensino Superior).

O edital completo pode ser consultado no link https://ssvpbrasil.org.br/investindo-na-vida/.

O objetivo do programa é buscar a promoção dos Pobres. “Muito mais do que prestar a assistência emergencial, é preciso promover, capacitar, dar condições para que eles possam se tornar protagonistas de suas próprias vidas. O ‘Investindo na Vida’ vai contemplar até cinco pessoas, jovens ou não, que têm o sonho de fazer uma faculdade ou um curso técnico, de se profissionalizar. É como o próprio nome do projeto diz, investindo na vida dos assistidos para levar sonhos, esperança, a mudança de estrutura que eles tanto precisam. É fazer o que a SSVP faz de melhor, que é ajudar as pessoas”, explica o 4ª Vice-presidente do CNB, confrade Mário Lucas de Brito Junior. 

Cada pessoa contemplada irá receber, até o final do curso, o valor de R$ 15 mil anuais para custear o estudo. “Fizemos uma pesquisa e quase todos os cursos podem ser custeados com essa ajuda. Caso seja mais caro, a pessoa ainda poderá pleitear uma bolsa dentro da instituição de ensino. Dentro desse valor, também poderá ser incluído o transporte, porque muitas vezes a pessoa tem a vaga, mas não tem como chegar ao local. O edital deve sair no dia 1º de maio para que a seleção ocorra logo. Nosso objetivo é que essas pessoas contempladas possam começar seus estudos ainda no segundo semestre deste ano. Por isso, é importante cada vicentino conversar com as famílias assistidas e ir conhecendo os sonhos delas para fazer a inscrição”, finaliza. 

O presidente do CNB, confrade Márcio José da Silva, lembra que Ozanam iniciou a caminhada da SSVP levando um feixe de lenha para os assistidos da época.  “Anos se passaram e hoje levamos a cesta de alimentos, remédios, roupas, móveis entre tantas outras coisas. Mas o tempo passou novamente e claro a cesta de alimentos é muito importante para a família que precisa de ajuda, mas, muito mais que isso precisamos investir nestas famílias para tirá-las do estado de vulnerabilidade que elas se encontram. Mas isso é muito simples, é somente investirmos nelas o que é delas, pois tudo o que tem na SSVP é dos Pobres e neles devem ser aplicados. O Projeto ‘Investindo na Vida vem para motivar nossas unidades a desenvolver projetos parecidos, investindo na vida de nossos assistidos para que eles próprios sejam protagonistas da vida deles”, resume.

“O projeto tem o intuito de investir na formação acadêmica de nossos assistidos para podermos em algum momento quebrar o ciclo que hoje temos em várias unidades, aquele mesmo que todos nós conhecemos de atender o pai, a mãe, logo depois os filhos e muitos até os netos. Quantas e quantas vezes ouvi pessoas se vangloriando que atendem aquela família há 10, 15, 20 anos. Isso não é para comemorar e sim ficar preocupado, pois nosso trabalho é promover a família e não criar um ciclo de dependência, quando isso acontece é porque não conseguimos realizar nosso trabalho a contento. Então, meus caros vicentinos, vamos promover nossos Pobres, vamos fazê-los protagonistas da própria vida”, conclama o presidente do CNB.

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY