É do Brasil! De novo!

0
2220

O Conselho Geral Internacional tem a imensa alegria de anunciar os nomes dos vencedores do Concurso Internacional de Redações “A Primeira Conferência”, focado em 2020 no “Ano Temático Internacional de Félix Clavé”, o menos conhecido dentre os sete fundadores.

Para a alegria do povo brasileiro, o primeiro lugar foi conferido ao confrade Adenilton Faustino Moreira, de Conselheiro Lafaiete (MG), da Conferência Nossa Senhora de Fátima (CM de Ouro Preto). A dissertação dele foi considerada a mais completa e com mais referências históricas dentre os 31 concorrentes. Realmente, um grande feito, tendo em vista a escassez de informações sobre Clavé.

Adenilton receberá um prêmio de 1.000 euros, assim como a Conferência a qual ele participa, que também receberá 1.000 euros para empregar tais recursos em ações de caridade junto aos pobres, ainda mais em tempo de pandemia.

Uma curiosidade: o confrade Adenilton foi quem encontrou a imagem perdida de Clavé, há dois anos, sendo premiado àquela altura com 500 euros pelo Conselho Geral. Por conta deste feito, foi possível completar a galeria de fotos dos sete fundadores da SSVP.

O segundo lugar ficou com o confrade Thierry Vialatte de Pémille (França) e houve um empate técnico no terceiro lugar: Obinna Frednard Ogbu (Nigéria) e Eric Morell (Espanha). O segundo lugar ganhará 750 euros e os terceiros lugares serão agraciados com 500 euros. Lembrando sempre que tanto o autor quanto a Conferência do autor ganham o mesmo valor.

Além do grande galardão, o Brasil também se destacou no prêmio de “Menção Honorífica Especial!”, por meio da excelente dissertação da consócia Cláudia Márcia de Freitas Pereira, de Belo Horizonte (MG). Ela, além de ter produzido uma redação formidável, é pintora do rosto de Clavé (um exemplar já foi presenteado por ela ao Conselho Geral). Também foram concedidas “Menções Honoríficas” para Philippe Menet (França), Njoku Collins (Nigéria), Aarón Galindo (Honduras) e Grace Olofu (Nigéria).

“Para a minha alegria, como brasileiro, nosso país vem se destacando anualmente nos concursos de redações promovidos pelo Conselho Geral para difundir a biografia e o legado dos sete fundadores.  Espero, sinceramente, que isso continue pelos próximos anos: 2021 (Ano de Devaux) e 2022 (Ano de Le Taillandier). Parabéns aos vicentinos do Brasil pela paixão que têm para a nossa querida Sociedade de São Vicente de Paulo”, assegurou o 16º Presidente-geral, confrade Renato Lima de Oliveira.

Até o final deste ano, todas as redações vencedoras serão disponibilizadas no site do Conselho Geral, e em 2022 um livro contendo as 18 dissertações vencedores (três por ano) será editado para a posteridade e uso nos cursos de formação da SSVP. Registre-se, com alegria, que os valores dos prêmios foram gentilmente oferecidos ao Conselho Geral para Conselho Central do Tirol do Sul (Itália).

Mais detalhes sobre o concurso podem ser encontrados aqui: www.ssvpglobal.org/noticias-2.

Confira, a seguir, os resultados dos concursos anteriores (em negrito, os brasileiros premiados):

 201720182019
Ano Temático InternacionalBailly de SurcyFrançois LallierPaul Lamache
1º ColocadoLuciana Moreira (Brasil)Philippe Menet (França)Njoku Collins (Nigéria)
2º ColocadoFernando Lusanthi (Sri Lanka)Luciana Moreira (Brasil)Elza Alemão (Brasil) e Patricia Onuoha (Nigéria)
3º ColocadoRoselyn Mpatogera (Uganda)Patricia Onuoha (Nigeria)Dominic Pinto (Índia)
Menção Honorífica EspecialPhilippe Menet (França)
Menção HonoríficaThierry Vialatte de Pemille (França) Elsa Alemão (Brasil) Ralph Middlecamp (EUA) Austin Fagan (Inglaterra)Raymond L. Sickinger (EUA) Eric Morell (Espanha) Elza Alemão (Brasil) Adenilton Moreira (Brasil)Obinna Ogbu (Nigeria) Luciana Moreira (Brasil) Kyrian Njoku (Nigeria)
Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY