Projeto Social em Guarapuava/PR transforma vida de assistida da SSVP

0
514

Mudar a vida dos assistidos e dar o impulso para os primeiros passos. Esses são um dos pilares dos Projetos Sociais elaborados pelas Conferências. Lindacir Deller, assistida da Conferência São Pedro, em Guarapuava/PR, retomou à vida de confeiteira depois que a unidade propôs a ela a elaboração do Projeto Social “Café da Linda”.

“Inicialmente ajudamos a Linda e seus filhos com alimentos, visitando, conversando e ouvindo suas dificuldades e superações. Lindacir sempre trabalhou fora, porém, depois da gravidez do último filho, que hoje tem mais de 1 ano,  passou a ficar somente em casa cuidando do pequeno, que nasceu com alguns problemas de saúde”, lembra a consócia Letícia Conrado de Oliveira, Secretária da Conferência São Pedro de Guarapuava.

A Conferência São Pedro elaborou poucos projetos ao longo da sua trajetória, mas motivados pela força de vontade em ajudar Lindacir e tendo conhecimento sobre seus dotes culinários, decidiu por apresentar a ideia ao Conselho Nacional Brasileiro (CNB). “Todas as orientações da parte de equipamentos da cozinha veio da assistida. Ela sabia exatamente o que precisaria e onde procurar para realizar orçamentos. Então, desde o início da escrita do projeto foi Lindacir que o protagonizou. Nos comunicamos muitas vezes por WhatsApp, pois moramos em bairros distantes, mas também sempre acompanhamos com visitas”, relembra Letícia.

Após aprovado, as Conferências da região tiveram ampla participação no desenvolvimento do “Café da Linda”: “tivemos o apoio do confrade Julio Barreto Júnior, engenheiro da Conferência Nossa Senhora de Belém, que nos orientou sobre os materiais necessários para construir a cozinha. A obra aumentou da fachada da casa, criando um cômodo exclusivo para o trabalho”, explica a consócia.

Atualmente a cozinha de Lindacir está em finalização, mas a assistida já trabalha fazendo pães e salgados para vender. “Por enquanto faço vendas do dia a dia, já tenho clientes certos, sirvo café da manhã diariamente e entrego uma quantidade de salgados e pães aos clientes, num determinado horário”, comenta a assistida Lindacir.

Ela também conta que tem planos para o futuro, que quer reformar a fachada e atender os clientes no local. “No momento, apenas vendo, mas vou sim atender as pessoas no espaço, assim que ele tiver adaptado para recebê-los”, reforça Lindacir.

A mãe de família e proprietária do próprio negócio é muito grata pela ajuda da SSVP nessa conquista: “agradeço muito, de coração, a todos que ajudaram e me deram força para dar o primeiro passo naquilo que sempre desejei ter para mim mesma. Tive que largar o trabalho para cuidar do meu bebê, que  precisa de cuidados especiais, mas como Projeto Social, consigo cuidar dele e trabalhar. Parabéns a dedicação de todos envolvidos para transformar vidas!”.

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY