22 de junho: data natalícia do co-fundador François Lallier

0
262
Crédito da imagem: SSVP Global

François Lallier nasceu em 22 de junho de 1814. Estudou com Ozanam na Faculdade de Direito na Sorbonne. Eles foram amigos muito próximos, sendo, inclusive, padrinho de batismo de Marie Josephine Ozanam, a filha de Ozanam. 

Casou-se em 1839, e foi pai de um filho (Henry), mas sofreu a dor de perder a filha Julie. Ele foi um dos mais ativos durante os debates nas “Conferências de História”, e muito atuante também em todas as etapas de fundação da Sociedade. 

Advogado competente, depois juiz de Direito, François Lallier era reconhecido pelo uso culto da linguagem e teve o privilégio de minutar a primeira Regra, em 1835. Em 1837, foi nomeado Secretário-Geral da Sociedade, encarregado de redigir circulares e cartas. Ele foi o fundador mais jovem, e um dos que morreu com idade mais avançada. Foi testemunha viva de inúmeros acontecimentos envolvendo aquela entidade nascente. 

Na SSVP, Lallier foi um dos grandes responsáveis pelo aconselhamento às Conferências e nas tratativas de expansão para outras nações, sempre preocupado com as origens da instituição. Fundou muitas Conferências. Além de trabalhar com os pobres, Lallier tinha um interesse ativo em arqueologia, vindo a participar da Sociedade de Arqueologia da cidade de Sens, França. Preparou relatórios sobre as suas descobertas e participou de convenções arqueológicas, além de publicar vários estudos sociais e políticos. 

Um dos trabalhos mais destacados de Lallier foi escrever, em 1879, a pedido do 3º Presidente-geral, Adolphe Baudon, o livreto “Origens da Sociedade de São Vicente de Paulo, de acordo com as recordações dos seus primeiros membros”, ocasião em que ele reuniu-se com os fundadores vivos àquela altura (Le Taillandier, Lamache e Devaux) para elaborar tal documento, que foi publicado em 1882 e que se encontra na biblioteca do Conselho Geral para consulta. Ele faleceu em 23 de dezembro de 1886.

O ano de 2018 foi declarado pelo Conselho Geral Internacional como ANO INTERNACIONAL DE LALLIER, ocasião em que um concurso de redações foi lançado. O 16º Presidente-geral, Renato Lima de Oliveira, sugere que no dia 22 de junho, em todas as paróquias onde haja uma Conferência Vicentina, a Santa Missa seja celebrada na intenção do confrade Lallier.

Fonte: SSVP Global

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY