Covid infectou idosos e funcionários de 126 Lares da SSVP

0
1038
Em Unaí (MG), 18 idosos morreram pela Covid-19

Uma das tradições de quem chegava ao Abrigo Frei Anselmo, em Unaí (MG), era ser recebido com um sorriso largo do senhor Getúlio Rezende, de 62 anos, um dos moradores da instituição. Prática esta interrompida pela Covid-19. Getúlio contraiu a doença e não sobreviveu a ela.

O Lar de Unaí é um dos 126 pertencentes à Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) onde há casos confirmados de infectados pelo novo Coronavírus. Moravam na entidade mineira 104 pessoas. Delas, 78 contraíram a doença e 18 morreram. Também se infectaram 27 funcionários.

A diretora administrativa do Abrigo Frei Anselmo, Marli Rodrigues Xavier Brito Araújo, conta que desde o início da pandemia, todas as medidas vinham sendo tomadas contra a Covid-19, inclusive, com a suspensão das visitas desde fevereiro.

Como forma de garantir a segurança dos internos, caso houvesse alguma contaminação no Lar, uma ala foi destinada para receber os infectados. Só que a diretoria e equipe não esperavam tantos casos positivados. “O espaço ficou pequeno, então, precisamos adaptar a capela para receber os contaminados e mantê-los isolados”, relembra Marli. Até o momento, de acordo com o levantamento nacional, das entidades que pertencem à SSVP, a de Unaí é que tem o maior número de positivados.

A situação no Lar hoje está controlada. Apenas um morador segue internado e os 22 que permanecem em isolamento estão perto de cumprir a quarentena e voltar ao convívio dos demais. O que não normalizou foi a situação emocional de quem vive e trabalha no Lar. “Eu acredito que vai demorar muito para gente superar todas as perdas e os dias angustiantes que vivemos. A gente se apega aos idosos e, de repente, eles vão para o hospital e, de lá, direto para o cemitério. A gente não pode nem velá-los”, desabafa Marli.

SITUAÇÃO EM LARES VICENTINOS DO BRASIL

A SSVP mantém no país 600 Lares, onde moram 34 mil idosos. Segundo o último levantamento, divulgado nessa terça-feira (25), deste montante, as 126 instituições com positivados para a Covid-19 contam com uma população estimada de 9262 pessoas, o que equivale à soma do número de moradores e funcionários.

Já são 954 idosos e 373 funcionários infectados. O número de mortes chega a 140, e 772 pessoas estão recuperadas.

Muitas destas instituições vêm sofrendo com a falta de recursos para o enfrentamento da doença. Por isso, o Departamento de Comunicação do Conselho Nacional do Brasil (Decom/CNB) lançou a campanha Rede de Caridade, com o objetivo de captar recursos e destiná-los aos Lares.

Para ajudar esta importante causa basta acessar www.rededecaridadessvp.com.br e doar qualquer valor por meio de boleto bancário ou cartão de crédito. O sistema é totalmente seguro.

Fonte: Redação do SSVPBRASIL

Comente pelo Facebook

LEAVE A REPLY